Interdisciplinaridade, criatividade e inovação: um caminho potencializado pelas novas tecnologias digitais

Resumo

A sociedade atual, complexa e dinâmica, está organizada a partir de sofisticadas tecnologias que integram simultaneamente espaços e tempos. Entretanto, encontramos a escola no formato padronizado e endurecido, com alunos pouco motivados. Assim, surgiu a necessidade de desenvolver uma metodologia interdisciplinar a partir das aulas de artes, visando a aprendizagem significativa, onde o aluno utilizasse as tecnologias digitais juntamente com a criatividade e a colaboração, para que estivesse preparado para a resolução dos desafios do cotidiano. Para tal, o presente estudo optou pela pesquisa-ação e teve como participantes alunos do ensino fundamental II, do Rio de Janeiro. A abordagem de natureza qualitativa contou com pesquisa bibliográfica, exploratória preliminar e o desenvolvimento, aplicação e avaliação de uma sequência didática voltada para a interdisciplinaridade. As tecnologias digitais facilitaram a  comunicação que viabilizou o projeto ocorrido integralmente de forma virtual durante a Pandemia do COVID-19. Já o trabalho colaborativo ampliou a ação dos participantes e possibilitou o desenvolvimento da criatividade, que foi fundamental na organização do processo, criando soluções para a integração entre as disciplinas. Ao final do estudo, percebeu-se que os estudantes se mostravam mais confiantes e motivados, assumindo a responsabilidade por seus estudos e servindo de inspiração uns para os outros.

 

Biografia do Autor

Patrícia Chiattone, SME/RJ

Mestre em Novas Tecnologias na Educação, Professora da Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro

Veronica Eloi de Almeida, Centro Universitário Carioca (UNICARIOCA)

Doutora em Sociologia, Docente no Mestrado em Novas Tecnologias na Educação do Centro Universitário Carioca (UNICARIOCA)

Alessandro Jatobá, Pesquisador do Centro de Estudos Estratégicos da Fiocruz

Doutor em Engenharia de Produção, Docente no Mestrado em Novas Tecnologias na Educação do Centro Universitário Carioca (UNICARIOCA).

Paulo Victor Rodrigues de Carvalho, Centro Universitário Carioca (UNICARIOCA)

Doutor em Engenharia de Produção, Docente no Programa de Pós-Graduação em Informática da Universidade Federal do Rio de Janeiro (PPGI/UFRJ), Docente no Programa de Pós-Graduação de Ciência e Tecnologia Nuclear do Instituto de Engenharia Nuclear (PPGIEN/IEN), Docente no Mestrado em Novas Tecnologias na Educação do Centro Universitário Carioca (UNICARIOCA).

 

Publicado
2021-07-26