Mapeamento do Coronelismo Eletrônico

Um estado da arte do conceito no quadriênio 2017-2020

  • Débora Costa Programa de Pós-graduação em Comunicação da Universidade Federal do Ceará - PPGCOM UFC
  • Alexandre Barbalho Programa de Pós-graduação em Comunicação da Universidade Federal do Ceará - PPGCOM UFC

Resumo

O presente estado da arte traça um panorama do conceito de Coronelismo Eletrônico, tendo por base um recorte tanto na dimensão temporal (2017 a 2020) como espacial (anais de eventos acadêmicos, periódicos científicos e acervos de teses, dissertações e TCCs). Ao todo foram selecionadas 28 produções, analisadas a partir das seguintes categorias: ano da publicação, área do conhecimento, região do Brasil estudada, mídia analisada, métodos e técnicas empregados, uso do conceito, palavras-chave, conceitos e teorias relacionados e autores e autoras mais recorrentes. O objetivo é contribuir com investigações sobre o tema, apontando lacunas a serem preenchidas nas pesquisas da área.

Biografia do Autor

Débora Costa, Programa de Pós-graduação em Comunicação da Universidade Federal do Ceará - PPGCOM UFC

Doutoranda ingressante em 2020 pelo Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Universidade Federal do Ceará - UFC, na Linha de pesquisa Mídia e práticas socioculturais. Professora substituta de 2016 a 2018 no curso de Jornalismo da Universidade Federal do Cariri - UFCA, setor de estudos Radiojornalismo. Mestre em Comunicação em 2016 pelo Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Universidade Federal de Pernambuco - UFPE, na Linha de pesquisa Mídia, Linguagens e Processos Sociopolíticos, com bolsa do CNPq. Graduada em 2013 no Curso de Comunicação Social - Jornalismo da Universidade Federal do Cariri - UFCA. Tem interesse no estudo da relação entre Comunicação e Religião, Comunicação e Política, Radiojornalismo, Cibercultura, Mídias Alternativas, Movimentos Sociais, Coronelismo Eletrônico e Teologia.

Alexandre Barbalho, Programa de Pós-graduação em Comunicação da Universidade Federal do Ceará - PPGCOM UFC

Possui licenciatura em História pela Universidade Estadual do Ceará (UECE), bacharelado em Ciências Sociais e mestrado em Sociologia pela Universidade Federal do Ceará (UFC) e doutorado em Comunicação e Cultura Contemporâneas pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). Estágio pós-doutoral em Comunicação na Universidade Nova de Lisboa. É professor adjunto do curso de História e professor permanente dos PPGs em Sociologia e em Políticas Públicas da UECE e em Comunicação da UFC e colaborador do PPG em Cultura e Territorialidades da Universidade Federal Fluminense. Tem experiências nas áreas de Política, Cultura e Comunicação, atuando principalmente nos seguintes temas: política cultural, política de comunicação, mídia e cidadania, mídia e minorias, mídia e política, elites.

Publicado
2022-10-07