Mercado y política. La consolidación de un dominio compartido: Telefónica y Telecom en el mercado argentino de telecomunicaciones (1989-2011)

  • Gustavo Fontanals Universidad de Buenos Aires
Palavras-chave: Telecomunicações, Telefónica de Argentina, Telecom Argentina, Empresas e Governos

Resumo

Este artigo investiga a evolução do mercado argentino de telecomunicações desde a privatização de ENTel até a atualidade, com foco nas estratégias das companhiasemergentes (Telefónica de Argentina e Telecom Argentina) para consolidar a sua posição dominante, através do bloqueio da entrada de novos concorrentes e da expansão paranovos sectores de negócios. Nossa hipótese é que o esquema emergente do processo de privatização deixou às companhias numa posição estrutural privilegiada, que a sua vez elassouberam consolidar e reforçar posteriormente em cada momento crítico de mudança, influindo efetivamente sobre os processos decisórios das políticas públicas setoriais. Assim,além da liberalização do sector e sua modificação com a expansão de novos serviços em regime de concorrência (telefonia móvel, provisão de acesso a Internet), das flutuações econômicas e da mudança dos elencos governantes e suas orientações políticas, ambas companhias conseguiram manter um sólido domínio compartilhado sobre um sector de negócios de vital importância e altamente lucrativo.

Biografia do Autor

Gustavo Fontanals, Universidad de Buenos Aires
Universidad de Buenos Aires, Investigador del Programa de Historia Política y del Archivo de Historia Oral de la Argentina Contemporánea (AHO), Instituto de Investigaciones Gino Germani.
Publicado
2012-04-11