O Estado Novo, novas abordagens: a gradativa mudança na historiografia brasileira e escolar

  • Mônica Porto Apenburg Trindade

Resumo

Recebido:  27/04/2017     

Aprovado: 15/06/2017

Publicado: 30/09/2017


A proposta desta investigação é percorrer alguns trabalhos realizados desde a década de 1980, período marcado pela ampliação do campo de possibilidades da historiografia brasileira nos estudos relacionados ao Estado Novo, perpassando pelos anos de 1990, fase onde aparecem de forma mais acentuada textos voltados para esse tema e as primeiras décadas do século XXI. O objetivo foi verificar através dessas obras, como ocorreram as mudanças gradativas da historiografia ao longo dos anos em relação às perspectivas sobre o regime estadonovista, procurando perceber os resultados dessas transformações e seus impactos nos estudos referentes ao Estado Novo. Em relação aos aspectos da Era Vargas, exibimos o debate que foi travado pela historiografia referente ao Golpe de 1930, além de apontarmos as pesquisas mais recentes em torno do estadonovismo e livros didáticos.

Palavras-Chaves: Estado Novo, Historiografia, Mudanças.

Publicado
2017-09-30
Seção
Artigos